13 outubro 2014

{Resenha} Fangirl - Rainbow Rowell

Rainbow Rowell
Nome do livro: Fangirl
Autor(a): Rainbow Rowell
Editora: Novo Século
Nº de Pág: 423
Classificação: 
Sinopse: Cath é fã da série de livros Simon Snow. Ok. Todo mundo é fã de Simon Snow, mas para Cath, ser fã é sua vida – e ela é realmente boa nisso. Vive lendo e relendo a série; está sempre antenada aos fóruns; escreve uma fanfic de sucesso; e até se veste igual aos personagens na estreia de cada filme. Diferente de sua irmã gêmea, Wren, que ao crescer deixou o fandom de lado, Cath simplesmente não consegue se desapegar. Ela não quer isso. Em sua fanfiction, um verdadeiro refúgio, Cath sempre sabe exatamente o que dizer, e pode escrever um romance muito mais intenso do que qualquer coisa que já experimentou na vida real. Mas agora que as duas estão indo para a faculdade, e Wren diz que não a quer como companheira de quarto, Cath se vê sozinha e completamente fora de sua zona de conforto. Uma nova realidade pode parecer assustadora para uma garota demasiadamente tímida. Mas ela terá de decidir se finalmente está preparada para abrir seu coração para novas pessoas e novas experiências. Será que Cath está pronta para começar a viver sua própria vida? Escrever suas próprias histórias?
Após incontáveis elogios ao livro "Eleanor & Park" (o qual ainda não li), seria um excelente investimento ler o novo lançamento da autora pela Editora Novo Século, certo? Errado!

Cather e Wren são gêmeas e foram criadas apenas pelo pai após o abandono pela mãe quando ainda tinham 10 anos. Wren é fã de Simon Snow, já Cath vive para o fandon e por ele! Ela escreve a fanfiction mais famosa da série, "Vá em frente Simon". Nem mesmo a ida de ambas à faculdade foi capaz de tirar isso da garota, que continua cada vez mais aficcionada.

Enquanto Wren quer aproveitar a nova condição de universitária, conhecer novas pessoas, ir à festas e ficar bêbada, Cath quer permanecer anônima e não consegue sequer fazer amizade com sua colega de quarto, nem tampouco perguntar a alguém onde fica o refeitório. Ela só quer dedicar seu tempo a escrever antes que o último livro da série seja lançado!

Relacionamentos amorosos, amizade, saber lidar com a obsessão e solidão do pai bem como com o abandono pela mãe, são alguns dos temas que Rainbow inseriu no contexto destas 423 páginas. Com capítulos da série e da fanfic de Simon, o livro é narrado em 1ª pessoa sob a visão de Cather.

Fiquei extremamente decepcionada com a forma que a história foi tratada, sem qualquer profundidade você vira as páginas querendo saber mais de cada conflito apresentado e chega ao final do livro sem saber nada sobre nada! O único tema melhor trabalhado foi a questão da fanfiction: o que é, como é escrito, sua repercussão, etc.

Cath é uma personagem de personalidade forte, mas extremamente insegura. Wren não sabe o que fazer com a liberdade que lhe foi dada e perde a noção facilmente. Ambas sofrem os efeitos do abandono da mãe, um excelente tema para quem gosta do enfoque psicológico: como a rejeição, o abandono e a falta da figura materna influenciam o desenvolvimento de uma criança???

Seria excelente, se o livro realmente abordasse essa linha ao invés de tratá-lo de forma tão sublime que praticamente se perdeu. Com certeza você lerá opiniões completamente diferentes da minha e dificilmente vai ler alguma coisa nesse sentido, o que prova o que tento lhe dizer: Rowell fala nada sobre tudo!

Cath se vê diante da dificuldade de fazer amizades, triste com o término de um relacionamento que nem chegava a ser um de verdade e apaixonada por um garoto que não é NERD. Como ultrapassar a zona de conforto em tantas coisas e tão rapidamente, será que Cath aguentará a pressão???

O distanciamento da irmã seria indiretamente um novo abandono? Me sinto aqui tirando leite de pedra, tentando dar um enfoque, um sentido a tudo que li, para não sentir que perdi dias lendo 423 páginas que estariam melhor escritas em 100. Quando acabou eu simplesmente me senti decepcionada, mas um bom desfecho apenas destoaria de tudo o mais que foi escrito.

Cada capítulo é aberto com uma passagem de Simon Snow ou da fanfic escrita pela Cath e confesso que, por mais que seja uma clara e não explícita analogia à Harry Potter, eu perdia o foco da história em si quando o trecho era grande demais.

Me apaixonei por Levi, adorei seu trabalho na Starbucks, e seu jeito. Ele é um garoto que sorri para todo mundo, que faz todas as pessoas se sentirem importantes de algum modo, está sempre por perto quando precisam dele, um cavalheiro e a melhor parte do livro, decididamente!!!!!

Ainda lerei Eleanor, para tirar o gosto ruim que Fangirl me deixou, ou não, rs. será?

Confira alguns quotes interessantes:
"Não dá para voltar atrás depois que mandamos mensagens. Se você age toda mal-humorada e melancólica numa mensagem, ela fica ali, gravada no seu celular, lembrando o tempo todo a bruxa que você é"
"Eu me pergunto... - disse ela - se houvesse maquinas do tempo, será que alguém usaria para ir pro futuro?"
"Para ser nerd mesmo, ela definira, era preciso preferir os mundos da ficção ao mundo real. Cath se mudaria para o mundo dos magos sem pensar duas vezes".
"Saber que estavam novamente na mesma cidade fez a saudade arder dentro dela. No estômago. Por que as pessoas falam tanto em coração?".
"-Como é que se evita as coisas pesadas? - disse Cath, indignada. - Ser mãe é só coisas pesadas"

Quem aí já leu??? Me contem o que acharam galera, please!
Participe das promoções ativas no blog:

24 comentários:

  1. Chrys, querida, me chamou muito a atenção um livro que enrola, enrola e não desenrola com taaaaantas páginas! Para mim seria um suplício estar na metade de um livro superficial e ainda ter que encarar mais outra metade... desanimador!
    Ainda não li Eleanor e só vejo elogios ao livro. Facilmente eu seria atraída para outro da autora. Ainda bem q vc veio me contar aqui q é melhor ter cautela e nenhuma expectativa para este livro, caso queira ler.
    Beijo!

    http://www.lerparadivertir.com/2014/10/as-sete-irmas-lucinda-riley.html?m=1

    ResponderExcluir
  2. nossa flor que decepção, tinha visto tantos elogios a autora e esse livro que estava só esperando uma boa oportunidade pra comprar, agora é bom ir com mais calma, pensar melhor! Dificilmente nossos gostos para romances não batem então tenho receio de também não gostar
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Estou louca para ler esse livro!!!
    Preciso muito mesmo!
    Pena que você não gostou tanto!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  4. É tão curioso como cada um tem uma perspectiva sobre uma obra, né?! Bom, ainda não li Fangirl, mas é engraçado que eu estava justamente esperando um enfoque na fanfic e na carreira de escritora da menina. Nem imaginei que tinham dramas paralelos a serem desenvolvidos.. kkk Vou ter que ler para saber o que acho. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
  5. Não li ainda o anterior, e este também ainda não me conquistou.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  6. Li Fangirl e amei! Ja Eleanor & Park achei cansativo e acabei não gostando muito :/

    ResponderExcluir
  7. Oiii
    Ainda não li esse livro da Rainbow, mas li Eleanor & Park, e simplesmente adorei! Achei a história muito boa, acho que você deveria ler, e com certeza Eleanor & Park vai tirar o gosto ruim do que você achou de Fangirl.
    Eu quero muito ler esse livro e espero ler em breve.

    Beijos
    http://www.sacudindoaspalavras.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Chrys.
    É incrível como eestá surgindo opiniões divergentes sobre o livro.
    Eu não tenho interesse de conhecer essa história, o assunto não chamou minha atenção e não gostei de saber que as páginas rolam e rolam e a história não evolui, incrível como a autora perdeu uma ótima oportunidade de trabalhar um assunto tão bacana e que já estava inserido na narrativa, bastava ser bem desenvolvido.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  9. Oi Chrys, tudo bem?
    Que pena, falaram tão bem de Eleanor e & Park, que acabei achando que esse faria o mesmo sucesso, que também seria muito bom. Ainda não tive a oportunidade de ler o primeiro, mas já tenho ele aqui comigo. Então, antes de me aventurar nesse segundo, vou ler o primeiro para conhecer a narrativa da autora.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Ola Lindona quero muito ler esse livro mas confesso que já fiquei com pé atrás com sua resenha como assim fala de tudo e de nada ao mesmo tempo pelo visto o livro não se aprofunda e fica meio superficial . Vou ler mas não darei prioridade a ele . beijos


    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, Chrys!
    Ainda não li nada da autora, mas quero muito ler Eleanor & Park.
    Uma pena o livro não ter te agradado, eu não tinha interesse, agora é que não tenho mesmo rsrs Não ando por conta de livros enrolados e mal trabalhados, paciência está zero :D
    Beijinhos!
    Taty Assis.

    ResponderExcluir
  12. Oi Chrys, tudo bem? Essa é a segunda resenha que leio do livro, e a outra era completamente diferente da sua, mas é bom ver opiniões diferentes a respeito de um mesmo livro. Bom, que chato isso de terminar de ler um livro e ficar com a sensação de que a autora te enrolou, que passou 400 e tantas páginas sem dizer realmente nada... e pelo que você disse, ela tinha ótimas questões para abordar, além da história da fanfiction. E também achei isso de terem alguns trechos realmente grandes da fanfic no início de alguns capítulos que te fizeram perder o foco... o livro já não é interessante, a autora vai lá e coloca outra coisa, deve ficar realmente bem chato. Bom, ainda não li Eleanor e Park, mas tenho vontade, e bom, espero que você leia e tire essa má impressão que teve da autora.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima // Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  13. Puxa, Chrys, é a primeira resenha que leio sobre o livro e até perdi a vontade de ler... hehe... não li nem o primeiro da autora que lançaram, e que realmente recebeu mil elogios... Pela sinopse, tinha achado a história deste até mais interessante, mas depois de você dizer que a autora fala nada sobre tudo, realmente esse livro vai lá pra trás na minha lista.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  14. Oii,


    Eu lembro que me interessei porque a capa é fofinha... Mas pelo o que você disse, eu não conseguiria concluir a história, acho que li umas duas resenhas, com opiniões diferentes. Não está na minha lista de prioridade, mas quem sabe um dia eu leio. Eu morro de raiva quando o autor pode reduzir a história e fica "enchendo linguiça" durante o livro. Enfim, uma pena que você não curtiu :(

    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  15. Chrys eu já tinha ouvi falar que esse livro não era tão bom quanto Eleanor & Park, mas a sua resenha me assustou.. ele parece ser muito pior do que eu esperava.
    Todos os temas que você citou são interessantes: a criação de fanfic, o abandono da mãe, a liberdade como universitárias.. Pena que só um deles foi bem desenvolvido. Acho que vou ficar apenas com E&P hahaah

    Beeeijinhos ;*
    Andressa - Mais que Livros

    ResponderExcluir
  16. Oi Chrys, já li algumas opiniões sobre o livro e também não li Eleonor & Park. Pelo que você relatou do livro perdi o pouco da vontade que tinha de lê-lo. O que é ótimo, uma a menos na lista infinita de livros que quero ler. Não gosto de histórias superficiais, que deixam pontas abertas. Obrigada por nos alertar sobre isso!
    Beijos
    Blog: Porão da Liesel
    Página no Facebook

    ResponderExcluir
  17. Oi, Chyrs
    Quero muito ler Eleanor & Park, mas ainda não o ganhei e não sei quando comprarei. Se quiser me presentear, eu aceito ;) #brincadeira
    Isso é péssimo. A autora tem um livro ótimo e super elogiado e faz merda no outro. O que dizer? Ela é boa ou ruim no que faz? Eis a questão! rs
    Eu achei muito intrigante o fato de serem gêmeas e sem a presença materna. Tinha tudo para ser tratado com a profundidade necessária para dar intensidade a obra. Uma pena que isso não aconteceu. Bem triste!
    Já fico receoso quando a este livro, Chrys. Mas mantenho a esperança em ler e gostar do outro livro!
    Adorei a resenha e a sinceridade! :)

    Abraço
    Adriano
    GeraçãoLeitura.com || http://geracaoleiturapontocom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Chrys,

    você não é a primeira que fala mal de Fangirl. Eu estava doida pra ler esse livro, mas acho que só li uma resenha 100% positiva. Acabei de ler Eleanor e Park, Gostei bastante do livro, mas confesso que o inicio me prendeu mais que o final. Ainda assim a escrita da autora é muito boa. Não sei o que pode ter acontecido com FanGirl.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  19. Olá

    Que pena que o livro não te agradou. Se não me engano também não agradou a Tati Feltrin, uma vlogger que eu acompanho. Tenho uma amiga que adorou Fangirl mas detestou Eleanor & Park e ela disse que se identificou bastante com a história de Fangirl por também escrever fanfics e etc. Acho a proposta do livro até interessante, não faz meu estilo, mas eu posso vir a ler algum dia. Pelo menos lerei com a mente mais aberta e sem expectativas depois de saber algumas coisas que apontou na resenha.

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  20. Olá, não i nada do autor ainda, mas lerei Eleanor & Park, Fangirl não me chamou atenção pela sinopse, e depois da sua resenha, pensarei mais vezes antes de lê-o, se tem algo que não suporto são histórias superficiais. Com certeza também iria ficar decepcionada.

    Beijooos!
    Vivendo em Livros

    ResponderExcluir
  21. Eu não li Eleanor e Park, mas esse livro é super bem falado, o que me fez achar que esse Fan girl também seria, uma pena ver que não, os assuntos que a autora tentou relatar são tão interessantes, é triste ver que ela não soube aprofundar e prender a atenção do leitor :/ Enfim, gostei muito da sua resenha *-*

    Beijos :*
    Larissa - http://srtabookaholic.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. Caramba, Chrys! Eu já estou preparada sabendo que esse não é o melhor livro da Rainbow, mas 2 estrelas? Não! Pelamor!!! Ela foi diva em E&P e falou muito bem sobre o amor inocente na década de 80. Esse nada sobre tudo me assustou.
    Será que eu também não vou curtir? Tô morrendo de medo!!!
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  23. Não li os livros, mas é muito chato saber que o livro decepcionou. Odeio livros muito enrolados e que no final, não te dizem muita coisa, dando aquela impressão de "perdi meu tempo" ou que a autora poderia muito bem resumir ou economizar um livro dando logo o desfecho. :(

    Com tanta coisa boa para ler, não gosto de perder tempo.

    Beijos,
    Bell

    ResponderExcluir
  24. Olá Chrys,
    bom, lendo sua resenha eu me senti um pouco confusa. Pois pelo que entendi, o livro conta com duas historia, a fanfiction e a do livro, e como você disse que começava um novo capitulo com a fanfiction, deve ser muito difícil focar na real.
    Sei lá, mas sinceramente eu não leria a este livro, se você se decepcionou, e acabou que se perdendo na historia real do livro, imagine eu.
    E ainda mais quando a autora enrola por demais, em assuntos desnecessários e quando era pra se enrolar em assuntos importante os trava como segundo plano.
    Eu já li um livro assim, e me decepcionei e muito pela historia. Pois esperava algo e me foi dado outro.
    Espero que o outro livro possa te fazer ver a autora bem melhor, por que neste livro, pelo jeito ela deixou a desejar.

    Beijokas Ana Zuky

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para nós e será sempre respondido, volte para conferir!
Se possível, deixe o link de seu blog, adoramos conhecer espaços novos e retribuir a visita!