15 agosto 2013

[RESENHA] De Volta Para Casa - Karen White

karen WhiteTítulo: De Volta Para Casa 
Autor: Karen White
Editora: Nova Conceito

Páginas: 447



Cassie Madison fugiu de Walton, Geórgia, para Nova York quando soube que sua irmã, Harriet, e seu amor, Joe, tinham-na traído e iam se casar. Ao chegar em Manhattan, sua ideia era se reinventar, mergulhar de cabeça na carreira e até mesmo perder o sotaque provinciano. Tudo para apagar seu passado marcado pela traição e por uma família que não lhe tratara com o devido cuidado. Mas, numa noite, um único telefonema de sua irmã trouxe de volta tudo que ela pretendia esquecer. Com o pai muito doente, ela foi obrigada a fazer a viagem de volta e, enquanto arrumava as malas, seus maiores medos eram que o pai morresse sem que ela pudesse estar com ele e... encontrar a família feliz que Harriet e Joe tinham construído. Já em Walton, Cassie percebe que enfrentará uma imensa batalha particular, porque, afinal, ela não consegue deixar de amar seus sobrinhos — e nem deixar de se sentir em casa, naquela cidadezinha de sua infância. Enquanto se divide entre o rancor e a esperança, velhas e queridas lembranças e uma mágoa insustentável, o destino arrumaria uma forma de aproximá-la do que realmente importa: o verdadeiro amor.


Recebi esse livro para ler preparada para ter muitas emoções, foi assim em Após a Tempestade e eu quis manter a expectativa na autora. 

Não me decepcionei, Cassandra após 15 anos longe de casa recebe uma ligação avisando que seu pai está doente e não tem mais muito tempo de vida. Decide então retornar a Geórgia, para poder se despedir. 

Porém, voltar à sua cidade Sulista, não é apenas uma viagem, é um retorno doloroso ao seu passado, o que ela mais queria, era esquecer que o namorado e a irmã haviam fugido juntos. O que ela mais queria, era esquecer suas origens já que agora era uma grande profissional da cidade de Nova York, moderna, antenada e noiva de um cara que considerava perfeito. 

Eu confesso que esperava um livro onde a irmã seria a malvada e Cassie a boazinha, aliás fiquei preparada para detestar, com todas as forças, Harriet, porque traição é uma palavra que faço questão de desconhecer. 

E quanto surpreendida eu fiquei, a autora conseguiu dar uma humanidade tão grande a todos personagens que fica dificil não se apaixonar também pela Harriet. 

Cassie tem que lidar com a perda do pai, com a aproximação da irmã e dos sobrinhos, com uma paixão para qual não estava preparada, e com uma reviravolta espetacular no final do livro (já esperada por qualquer um que vá ler), mas temida de toda forma. 

Durante o livro todo ela fica na dúvida sobre voltar ou não para Nova York, porém, é surpreendida com tanto amor de todas as pessoas daquela cidade, que é muito difícil tomar uma decisão. 

Os personagens foram muito bem construídos e são tão reais, que senti uma conexão muito grande com todos. Além da história do resgate entre as irmãs, que por si só renderia um belo enredo, temos Maddie, a sobrinha de Cassie tão parecida com ela, tem o Sam, que é um cara por qual toda mulher brigariaEle é paciente, maduro , perfeito e só Cassie não consegue ver isso, ou melhor ela não quer. 

Apesar de ser um romance emocionante, também rendeu belas risadas, embora as lágrimas teimassem em escapar em todas as passagens comoventes, cheguei a chorar sem me importar, porque a emoção teimava em sair de alguma forma. 

Aprendi que perder é necessário, e que deixar partir, é as vezes deixar ficar

Quem ama tanto ao ponto de libertar o outro? Difícil esse controverso de poder abrir mão de alguém que se ama, para que essa pessoa não sofra mais. 

Cassie passou por tudo isso, e às vezes, mesmo se mostrando forte, mesmo querendo manter a pose, se rendia aos encantos dos sobrinhos, da Geórgia e de Sam. 

O livro fala sobre a vida, sobre família, sobre amor. Tem um pouco de suspense, porque elas encontram cartas antigas que estão no sótão e buscam informações sobre um passado do pai. 

Eu achei o livro muito realista, no momento em que tudo parece estar certo, a história dá uma reviravolta de sentir raiva e me perguntei, "porque isso tem que acontecer justamente agora??" Porque sim, porque são coisas que acontecem na vida real, e Karen White consegue transformar palavras em realidade

Fechei a última página com um suspiro de saudade! Sentia falta de acompanhar as reviravoltas e emoções de uma família, sentia falta de me emocionar, e White consegue fazer isso perfeitamente. O livro tem muitas páginas mas não da pra sentir!

Mais um livro que vai para a lista de favoritos

Não deixe de se emocionar com essa história!

 




28 comentários:

  1. Ai Meu Deus Sara Bertti,
    Cinco estrelas e favoritar é muito para o meu coração.
    Desde que pedi esse livro eu sabia que vc ia pirar nele.
    Bom, sou suspeita para falar sobre amor por sobrinhos pois o meu faz de mim o que ele quer! ponto!
    Quanto à questão de a irmã fugir com o namorado de Cassie, eu procuro não julgar as coisas do coração, nem tão pouco os planos de Deus.
    Esse mundão velho sem porteira já me mostrou que o destino não desculpa e nem desvia, que TUDO, mas TUDO que fazemos em nossa vida tem um porquê que as vezes a gente não entende no momento, mas depois, muito tempo depois quando olhamos para tras, nossa vida parece um quebra-cabeças onde as peças se juntam perfeitamente.
    Muitas vezes uma coisa ruim hoje é sua salvação amanhã. Temos mania de imediatismo, de nos achar merecedores daquilo naquela hora, quando o melhor é deixar a vida acontecer naturalmente!
    Como você disse e me tocou profundamente: deixar partir é as vezes deixar ficar!
    Isso não quer dizer que as pessoas tenham que agir com deslealdade, fugir sem dar satisfações, pois muito embora não se mande no coração, a racionalidade deveria prevalecer diante de um sentimento tão maior: amor entre irmãs!!!! E mesmo que não fossem irmãs...
    Bom, pirei nesse livro, na sua resenha e com certeza quando eu quiser me debulhar em lágrimas (isso acontece com frequência), pegarei ele na estante!

    Beijos
    Chrys

    ResponderExcluir
  2. Olá Sara,

    Parece ser mesmo uma história emocionante. Só o fato da autora fazer o leitor simpatizar com a Harriet, que roubou o namorado da própria irmã já conta como ponto.

    Abraços,

    http://milvidasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Sara que resenha, eu juro que na parte em que vc diz que perder é necessário meu olho encheu de lágrimas! gente do céu esse livro promete. ainda não tinha lido resenhas dele, tenho após a tempestade, mas ainda não li, estou esperando pelo segundo livro para iniciar a leitura!, assim como vc estou pronta para sentir raiva da Harriet, pois como você não gosto das traições, mas ao mesmo tempo penso que deve ter mais coisa envolvida nisso. Fico pensando na dor do afastamento das irmãs e no isolamento que a Cassie se impôs para não sofrer
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Estou muito doida para ler este livro. Acho que a construção dos personagens parece fantástica, assim como todas as lições que são passadas no decorrer da trama. É impressionante como histórias fictícias, bem escritas, são capazes de nos fazer pensar e até mudar algo em nossas vidas.
    Tenho grandes expectativas para este livro e quase certeza de que não vou me desapontar!
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Nossa já quero, que resenha legal, gostei de tudo que disse, gosto muito de histórias com reviravoltas e uma pitada de mistério, gosto de chorar com um bom livro.
    "Aprendi que perder é necessário, e que deixar partir, é as vezes deixar ficar."
    Essa frase é tudo já aprendi muito com ela.

    ResponderExcluir
  6. Ai Meu Deus, sem dúvida essa é a resenha que deixou com mais vontade de ler o livro. Sou dessas que já tá curiosa pra saber qual é a reviravolta que vai ter... Quando alguém fala que o livro entrou para os favoritos, não tem jeito, ler ele agora é questão de urgência rs.
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  7. Quando li a sinopse eu gostei e agora lendo a resenha penso não só retornar, mas ter que enfrentar e tentar perdoar.
    Quero saber que paixão é essa! Quais são as reviravoltas? sei que não pode contar XD Preciso do livro!
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Vou ter que ler esse livro, parece ser maravilhoso, lendo a sinopse eu fiquei pensando que a irmã era malvada também, agora estou louca para conhecer cada personagem.
    Amei a resenha.
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi Sara!
    A gente não manda mesmo no coração, não é? Acredito que a situação deva ter sido difícil tanto para a Cassie quanto para a Harriet, mas o caminho do perdão nem sempre é fácil, fiquei muito curiosa pra fazer essa leitura e ver como tudo se desenrola.
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  10. Sara você é fera em fazer alguém querer ler todos os livros que você resenha! Amei! E não imaginei nada parecido para essa história, pensei em uma coisa meio auto ajuda mas estou apaixonada pela resenha e quero já esse livro! Achei lindo quando você disse Aprendi que perder é necessário, e que deixar partir, é as vezes deixar ficar. Me fez refletir e acho que vou ficar matutando isso por um tempo. Sara obrigada pela dica de leitura, vai pra lista!

    Beijos, Greice.

    ResponderExcluir
  11. Eu gosto tanto, tantoooo, da sua forma de resenhas, Sara. É muito suave. Sério. Acho que você consegue captar os sentimentos dos personagens tão bem que ao transmiti-los em palavras torna tudo um tanto poético. Torna até mesmo o degradante em algo compreensível, sabe? ^^
    Sobre De Volta para Casa, já queria ler este livro na ocasião do lançamento. Ele já estava entre os meus mais desejados! Isso porque a sinopse me atraiu e depois as resenhas apenas acresceram ao que parecia ser um ótimo livro. *.* Mas, olha que tapada que sou, não tinha notado que é da mesma autora de Após a Tempestade (rs). Só notei agora, na sua resenha.
    Eu sou um pouco assim... Depois do terceiro livro do autor é que começo a me assumir sua admiradora (rs). E até o momento, tenho pouquíssimos autores nessa posição.
    Acho que a Karen White tem tudo para entrar nessa minha pequena lista (rs).

    ResponderExcluir
  12. Concordo com a Francine, no começo, sempre ficamos meio apreensivos com pessoas novas na blogosfera, mas logo nos acostumamos quando a pessoa escreve bem!
    Sabe, esse é um dos livros que iriam mexer demais comigo, apesar de evitar livros desse tipo, eu fico me remoendo por ainda não ter lido.

    ResponderExcluir
  13. Achei bem legal sua resenha, a Cassie parece ser uma personagem interessante e forte porque passa um momento difícil na vida com a doença do pai e se vê obrigada a enfrentar seus demônios. Confesso que no começo da resenha já pensei em odiar a Harriet e o Joe, mas deve ser interessante ver a humanidade que a autora trouxe pra eles..to muito curiosa pra conhecer esse novo amor da Cassie, o Sam!
    Já quero muito ler!

    ResponderExcluir
  14. Nossa!que história incrível..já tinha visto o livro,mas não tinha parado para ler nenhuma resenha sobre ele!Me surpreendi bastante sobre o que se refere o livro..
    Deve ser uma leitura maravilhosa,que faz nosso coração saltitar,apertar,alegrar!!Espero que logo possa lê-lo e me surpreender com esta que parece ser uma história de nos fazer refletir e dar valor a quem amamos.
    Bjs'

    ResponderExcluir
  15. Estou louca por esse livro, tenho visto comentários muito positivos. Sua resenha me trouxe uma informação nova, só de ler a sinopse eu já odeio com todas as forças a irmã de cassie, pra mim é difícil imaginar que ela não seja a vilã da história. Amei a resenha, transpareceu bem como a história é apaixonante... Bjs... anna-gabby.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. E eu que não tava dando nada no livro pela capa... ele faz muito meu estilo :o carregado de emoções e ensinamentos, mas sem muita complexidade. Me interessei bastante, mas atualmente ele não se tornou uma compra urgente... por isso estou participando de sua promoção!! :/
    Super Abraço, Victor Rosa
    encantosparalelos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Gente que livro incrível é esse ..
    5 estrelas + 1 coração,
    Já tinha me apaixonado por ele pela capa,
    mas agora tô super querendo lê-lo.
    É o tipo de estória que me fascina :]

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Que resenha linda!!! Eu amo essa capa acho lindinha!!
    Estou curiosa para conhecer os personagens, é otimo quando o livro passa essa forte sensação de realidade, super curiosa!!!

    ResponderExcluir
  19. Ai meu deus ! O negocio é bom. rsrs Eu ja estava odiando a irmã traira dela , mas puxa. Seria muito mais facil pra personagem se sua irmã fosse de fato ruim. Mas é melhor assim por que tem mais chances de um final feliz. ultimamente ando ficando surpresa com a escrita desses escritores

    ResponderExcluir
  20. Eu gostei muito de Após a tempestade , mesmo me decepcionando em alguns pontos, mas gostei muito da escrita da autora então acho que vou gostar de ler De volta pra casa , a história parece comovente e a Karen sabe entrelaçar bem as coisas, espero me emocionar com o livro tanto quanto você ;)

    http://theloverbook.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Adorei a resenha, achei lindo o jeito que você descreveu. Me deixou com ainda mais vontade de ler o livro, mesmo eu tendo 284503563256 na "fila" de leitura!
    Adorei saber que os personagens são bem reais, tornando o livro em si mais real. Adorei, adorei!

    ResponderExcluir
  22. Uauuuuu e que resenha!!..rsrs
    Sou apaixonada pela capa desse livro..ele ja esta na minha lista faz um tempinho, mas depois dessa super resenha, dessa nota 5 estrelas e ainda favoritando..me sinto obrigada a passa-lo na frente! :)
    Adoro livros emocionantes e que nos fazem ter uma conexão com os personagens!
    Obrigada pela ótima resenha. Beijos

    ResponderExcluir
  23. Oi Sara!! Ual que arraso de resenha!! Me encantei com este livro desde o lançamento e depois de ler tua opinião impossível não se interessar mais ainda. Fiquei curiosa para saber como se dará o trama ,os personagens... Amo livros emocionante e que toquem nossos corações, e De volta para casa está na minha lista de desejados desde o lançamento.

    ResponderExcluir
  24. Tá aí um livro que impressionou. Os temas retratados, família, amor, são muito bem feitos. A trama parece saber como deixar uma mensagem bonita ao leitor, gostei disso. É bom quando um livro é realista também, gostei de saber que o final deixa esse gostinho de desagrado, mas um desagrado necessário e que muitas vezes acontece na vida real.

    ResponderExcluir
  25. Quando li a sinopse eu também já estava odiando a irmã rsrs Estava em dúvida de ler ou não esse livro pq não tinha lido nenhuma resenha ainda, mas pela sua decidi ler. Gostei de todas essas emoções que o livro desperta.
    Eu te entendo nessa de "Pq tudo não podia continuar bem com estava?", muitas vezes paro para tomar coragem em uma leitura assim.

    ResponderExcluir
  26. eu nao espera muito desse livro pela capa, mais depois da resenha gostei.
    como muita gente achei que fosse um romance historico. gostei da sinopse.
    ainda bem que nao tem spoiler pq eu realmente vou ler kkk
    um beijo adorei a resenha

    ResponderExcluir
  27. É o tipo de leitura q eu amo! Um drama familiar. A necessidade de perdão. De reencontrar o afeto perdido, as lembranças que o tempo guardou. Gosto especialmente dessa busca pelo passado, das cartas... isso dá um toque de mistério e tensão na leitura que cert mente vão me prender.
    Quero me emocionar com essa história!

    ResponderExcluir
  28. Que historia linda! Quando a gente olha essa capa não tem idéia que a historia é assim! Sou muito fã de historias que são praticamente reais, que os personagens são parecidos com qualquer pessoa e que seus dramas são realmente experimentados por uma boa parte das pessoas, gostei de saber que ela construi bem os personagens e são extremamente cativantes e que a historia nos traz belas lições de perdão e amor ao próximo, sua resenha ficou show, e me deixou tocada. Parabéns, desejo ler esse livro o quanto antes! :)

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para nós e será sempre respondido, volte para conferir!
Se possível, deixe o link de seu blog, adoramos conhecer espaços novos e retribuir a visita!