25 junho 2012

RESENHA: Branca de Neve e o Caçador

Gente,

É com imenso prazer que resenho Branca de Neve e o Caçador.

Antes, gostaria de fazer algumas considerações: 

Que as capas da Novo Conceito são o máximo, todo mundo já sabe, mas que ela se superou na publicação deste livro, tenho que confessar! É o livro mais bonito que já vi!

Ele se inicia com poemas sobre a história, depois vem uma linda página escrito: Era uma Vez (veja aqui). Cada início de capítulo tem um separador escuro com o número do capítulo no que eu chamaria de "escudo" (veja aqui).

São muitas informações por capítulo o que o torna interessante do começo ao fim, sem ficar corrido ou cansativo. quando você vê já está na metade do livro.

Eu simplesmente adorei a história apresentada, me pareceu esclarecer detalhes importantes que a versão infantil deixa vago. É realmente um conto de fadas para adulto, sem qualquer indício de Chick-Lit e sim, parece-se muito com um livro de aventura.

Bom, vamos à História??






"Em pé diante das cinzas.
  Em pé diante do céu de inverno.
  Em pé diante do chamado.
  Ouça o choro da batalha.
  Deixe-o gritar desde as montanhas.
  Desde a floresta até a capela.
  Porque a morte é uma boca faminta.
  E você é a maçã."








"Era uma vez...

Uma princesa chamada Branca de Neve. Ela é a única filha do Rei Magnus e nesta fase do livro é ainda criança. O Rei perdera sua esposa há um ano, ela faleceu em virtude de uma grave doença e deixou sua filha aos seus cuidados.Entretanto, o Rei está entregue ao sofrimento, seus pensamentos só buscam sua esposa e a falta que ela lhe faz.

Durante um combate, no inverno mais frio que o Reino já tivera, o Rei Magnus se dá conta de que precisa sair do transe em que se encontra e enfrentar o inimigo, defendendo seu Reino. O inimigo é estranhamente feito de sombras, despedaçando-se no embate, como cacos de vidro ao tocarem o chão. Após vencer a batalha, o Rei e seu fiel amigo o Duque de Hammond avistam sob a névoa da floresta, uma carroça-prisão.

Ao se aproximar, ambos vêm que dentro está amarrada uma jovem e linda mulher. Após a libertarem, sabendo ser a jovem uma solitária sobrevivente e que o exército que a aprisionou era imperdoável e mutilavam e matavam até mesmo crianças, o Rei a convida para morar no castelo. 

O Rei estava extasiado coma  beleza da moça que deveria ter menos de 20 anos. Tudo nela era bonito e delicado e cada dia que passava o Rei estava mais e mais apaixonado. Sua tristeza foi removida, sentindo-se vivo novamente, razão pela qual resolveu-se casar com Ravenna.

No dia de seu casamento, Ravenna tem uma lembrança do passado que se mostra um segredo revelador do motivo pelo qual ela está ali. Naquela mesma noite, durante a festa, Ravenna leva o Rei para o quarto e enquanto ele, enebriado está sem defesas, ela retira um punhal escondido sob o travesseiro e o apunhá-la no peito, matando-o.

"Primeiro, vou tirar a sua vida, meu senhor - Ravenna sussurrou enquanto o rei ficava imóvel - Depois, vou tomar o seu trono." (pág. 17)

Ravenna desce as escadas, abre os portões para o exército de seu irmão Finn que rapidamente toma conta do Reino. Um de seus servos traz um grande espelho. Ao encontrá-lo, Ravenna dirige-se a ele:

"-Espelho, espelho meu, quem é a mais bela de todas?
- É você minha Rainha ..." (pág. 18)

A agora Rainha Ravenna determinou que todos os ali presentes fossem enviado à espada, entretanto, sentiu que precisava manter Branca de Neve à salvo, desta forma, poupou-lhe a vida e determinou que fosse mantida na masmorra.

Muitos anos se passam e agora, Branca de Neve está com 17 anos, o reino passava fome sob o comando de Ravenna. Um belo dia, após utilizar sua mágica e matar o filho de um rebelde, Ravenna sente o preço cobrado pela magia ao sentir-se fraca e velha. A Rainha má somente voltou a ficar bela e jovem, ao tomar estas qualidades de uma moça do Reino, a qual passou a aparentar ter 80 anos ou mais.

Em seguida, sentindo-se maravilhosamente bem, Ravenna dirige-se a seu espelho e pergunta-lhe:

"- Espelho, espelho meu, quem é a mais bela de todas?
- Minha rainha - o espelho disse -, você desafiou a natureza e lhe roubou o mais belo fruto, mas hoje, há alguém mais bela do que você. Ela é a razão do seu poder declinar." (Pág. 44)

-Entretanto, ela também é o seu tesouro, minha rainha. Foi sábio tê-la mantido por perto, pois a inocência e a pureza que podem destruir também podem curar. Tenha o coração dela em suas mãos e você nunca mais precisará consumir juventude. Você nunca mais enfraquecerá ou envelhecerá. Imortalidade sem preço..."(Pág. 44/45)

E assim, inicia-se a busca da madrasta má x enteada. Ravenna ordena que Finn consiga seu coração, entretanto, Branca de Neve aproveita esta oportunidade e consegue fugir do castelo, com ajuda de dois pássaros que lhe indicam o caminho a seguir.

É aqui que a aventura começa e é aqui que preciso ser menos detalhista pra não perder a graça...

Resumindo, Branca de Neve precisa voltar ao castelo, pois e a única que poderá deter a Rainha Ravenna e tomar o trono para que a paz volte a triunfar. 

Onde entra o caçador na história??? Ele é o único que conseguiu sair ileso da Floresta mágica e é contratado pela Rainha para trazer o coração de Branca de Neve, ainda batendo, mas ao perceber as reais intenções da Bruxa, decide permanecer ao lado e como fiel escudeiro de Branca. É ao lado dele que ela conhece os Anões mágicos e também está ao seu lado quando reencontra William, seu amor de infância, formando um habitual triângulo amoroso.

- Isso é tudo o que a vida tem para oferecer - Ravenna sibilou. Fitou os olhos castanhos enormes de Branca de Neve, quase sentindo um pouco de pena da garota. - O tempo passa. A esperança, morre. Mas nem tudo está perdido. Pois, pelo menos agora, uma de nós viverá para sempre... - Ravenna levantou a adaga enfeitada com jóias, que havia confeccionado dez anos antes, na noite de seu casamento...(Pág. 204)

Agora para saber o desenrolar da história, embora já conheçamos o final, é preciso ler esta história mágica!!!

Minha impressão??? Eu adorei e não criei muitas expectativas, por isso não me decepcionei. Não vou tentar ser o escritor, como tenho lido em alguns blogs, onde a pessoa descreve que faltou descrição dos personagens que também não existem no filme. Temos que partir do princípio de que é uma adaptação do filme e que nem mesmo as adaptações de livro são fiéis.

Não acredito que tenha deixado a desejar, mesmo porque, temos que levar em consideração que esta mesma história já foi nos apresentada desde a infância. A personalidade das personagens já foram exaustivamente trabalhadas em outras histórias e agora o que nos é apresentada é uma nova versão da conhecida história.

A única coisa não explicada é como a Princesa que ficou por mais de 10 anos presa na masmorra, consegue inexplicavelmente lutar, sem ajuda, sem ser ensinada. De resto, tudo em agradou!!!

Super recomendo aos menos críticos, àqueles que consigam se deixar envolver pela história e apreciem uma remodelagem dos contos de fadas.






Um super beijo
Chrys










Este livro levou:











8 comentários:

  1. Aii Chrysthie,fiquei com vontade enoorme de ler. Ainda não assiti ao filme, mas acho que ler vai ser bem mais interessante. Beijo

    ResponderExcluir
  2. Oi Chrys!
    Ainda não li o livro, nem vi o filme mas estou super a fim, acho que eu seria uma daquelas a viajarem na história, vamos ver!
    Beijos... Elis Culceag. www.arquivopassional.com

    ResponderExcluir
  3. Amei a resenha ...
    Estou completamente louco para ler este livro...
    Espero ganhar a promoção ...

    ResponderExcluir
  4. Este é um dos livros que estão no topo da minha lista de leitura. Adoro essas adaptações dos contos de fadas *---* Amei sua resenha e não tinha visto ainda como a diagramação desse livro é bonita! Parabéns pela resenha, ficou perfeita, e mesmo conhecendo a história, estou super curiosa >< kkkk

    Beijos
    @PollyanaCampos / @EntreLeP
    http://entrelivrosepersonagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. adorei sua resenha, descreve perfeitamente o livro. O incrível é que mesmo com tanto sucesso do filme ainda prefiro o livro!!

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li esse livro e quero ler! O meu ainda está aqui empacado...o filme é bem legal, quero ver se o livro tem muitas semelhanças ou não.

    ResponderExcluir
  7. Bom, não vi o filme e nem li o livro por, como já falei, não ser muito fã dessas adaptações! Mas vou dar uma chance a esse livro, pois gostei bastante da sua resenha e me fez ficar interessada em conhecer a história!
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Eu comecei a assistir o filme a parei nos primeiros vinte minutos... Acho que foi a melhor coisa que eu fiz, porque pelo visto o livro é infinitivamente melhor. E a capa é uma das mais lindas que eu já também *-*

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para nós e será sempre respondido, volte para conferir!
Se possível, deixe o link de seu blog, adoramos conhecer espaços novos e retribuir a visita!